sexta-feira, 13 de junho de 2008

Loucura e Crime (classificação dos criminosos)


Tem surgido no país e no mundo, muitos casos de pessoas que matam sem motivo aparente, e com frieza relatam seus crimes, alguns escondem , procurando explicações mirabolantes para o óbvio.
O ser humano para ser normal psiquicamente tem que ter entendimento dos fatos que o cercam, entendimento racional, lógico e coerente com a sociedade em que vive e as leis que a disciplinam, a ruptura dessa harmonia revela a loucura,pois mesmo o ignorante das leis sociais e naturais não deixa de ter, se for normal, entendimento de sua limitação diante do fato considerado, e assim está apto a determinar-se de acordo com esse entendimento, o que torna harmônico com a situação( Palomba,1996).
Segundo Guido Palomba, psiquiatra forense, os criminosos portadores de doença mental, classificam-se em:
1- Impetuosos: Agem em curto- circuito, por amor à honra, sem premeditação,fruto de uma anestesia momentânea do senso crítico.Dentro dos delitos que praticam relacionam-se principalmente com o crime passional, e alguns tipos de assassinatos e de agressão física.
Esse criminoso, normalmente, depois de praticado o crime, arrepende-se do que fez, e isso se deve ao fato de o psiquismo que possui ser, no seu todo, satisfatoriamente estruturado, salvo a falha do senso moral quando em face de determinada situação que o instiga.

2- Ocasionais: São os que, sem ter tendência marcante para o crime, nele caem levados pelas condições pessoais e influência do meio em que vivem.Os fatores sociais tem muito peso, mas não resistem à tentação que certas ocasiões propiciam ao crime, com a qual se deparam casualmente.

3-Criminosos Habituais: São marginais incapazes de readquirir uma existência honesta, é o que tem como profissão, o crime.Não são violentos, em muitas ocasiões são fronteiriços.

4-Criminosos Fronteiriços:Não são propriamente doentes mentais e também não são normais.Apresentam permanentes deformidades do senso ético-moral, distúrbios do afeto e ada sensibilidade, cujas alterações psíquicas os levam ao delito.

Podem praticar os mais variados tipos de crimes, mas quando são violentos, são os que praticam os atos mais perversos e hediondos.
A característica principal dos criminosos fronteiriços é a extrema frieza e insensibilidade moral com que tratam as vítimas. A reincidência é certa.

5- Loucos Criminosos: Os delitos que praticam podem ser divididos em dois grandes grupos: aqueles que agem graças a um processo lento e reflexivo e aqueles que agem por impulso momentâneo.

O primeiro tipo há invasão lenta a da ideia mórbida, que geralmente nasce do nada,e aos poucos cresce e cria raízes, torna-se uma concepção delirante que escraviza o livre-arbítrio.O paradigma da doença pode ser paranóia ou a esquizofrenia paranóide.
No segundo tipo, a deliberação do crime é fruto da impulsão momentânea.O impulso súbito é seguido de imediata execução.O paradigma pode ser a epilepsia e muitas vezes a oligofrênia.
No entanto, quer premedite, quer não, os loucos criminosos atacam abertamente a vítima em presença de testemunhas; não tem cúmplices;propalam as suas intenções e ameaçam constantemente;atacam pessoas que lhe são caras ou completamente desconhecidas.Quando presos confessam o que fizeram, são indiferentes para com as vítimas, muitas vezes se mostram satisfeitos com a ação que praticaram.

4 comentários:

Richard disse...

Olá, Sílvia.
Desculpe usar seus comentários para esta finalidade, mas é que estamos mudando o endereço de nosso blog e gostaria de saber se você pode alterá-lo aí.
Muda de Blog do Guia para GuiaDoClique Blog e a nova url é http://www.guiadoclique.com.br/blog
Agradeço se puder fazer essa alteração.
Obrigado.

Mau Camus disse...

Mais uma informação importante. Ou ficamos atentos, ou acabamos classificando a todos os crimes como loucura.

Abs

Anônimo disse...

Olá, Sílvia.
Primeiro quero dizer que gostei do seu blog ele tem muito boa aparencia.
E quero te pedir uma ajuda pois estou com um problema sério que tem relação com oque você escreveu neste post sobre crimes, por favor entre em contato.

Anônimo disse...

Oi, esqueci de deizar meu e-mail jeanv745@gmail.com